dados-top2017

Locais
Theatro São Pedro

Theatro São Pedro (5)

Rua Barra Funda, 171

12h00 – Uma Viagem à África
Show de Música e História
13h30 – Via Brasil Quinteto
15h00 – Pedro e o Lobo

A Orquestra do Theatro São Pedro, criada para ser o corpo musical exclusivo do teatro e referência em ópera e música lírica em São Paulo, estreou em junho de 2010, com a apresentação de um concerto em homenagem ao compositor Carlos Gomes. Os responsáveis pela sua concepção foram os maestros Roberto Duarte, com ampla experiência internacional, e Emiliano Patarra, que vem acompanhando a trajetória do Theatro São Pedro desde 2003 e hoje é o regente titular do grupo.

A orquestra é composta por 18 violinos, seis violas, cinco violoncelos, quatro contrabaixos, dois oboés, duas clarinetas, dois fagotes, duas flautas, quatro trompas, dois trompetes, três trombones, tuba, dois percussionistas e uma harpa. São 54 músicos selecionados de maneira rigorosa.

regente de orquestra

Regente titular e diretor artístico da Orquestra do Theatro São Pedro, diretor artístico e fundador da Orquestra Jovem Municipal de Guarulhos e professor de regência em duas das maiores faculdades de música do país (FASM e FAAM), Emiliano Patarra se especializou em ópera e foi responsável pela montagem de uma grande quantidade de espetáculos líricos nos últimos anos. Foi por sete anos regente assistente e coordenador artístico da Orquestra Sinfônica Municipal de Santos, fundador e diretor musical do Núcleo de Ópera da FASM e produtor executivo do Festival Música Nova entre 2003 e 2008, além de diretor musical deste evento em 2009. Durante cinco anos foi supervisor pedagógico e professor do Projeto Guri - anos depois, em 2008, foi coordenador pedagógico de cordas e canto do Novo Projeto Guri-Santa Marcelina e Coordenador Pedagógico da Tom Jobim - Escola de Música do Estado de São Paulo.

Décio Gioielli, kalimba e percussão
Leila Garcia, contadora de histórias

Uma Viagem à África
Um Show de Música e Histórias

Décio trouxe de suas viagens pela África instrumentos tradicionais, músicas, canções e histórias. Kalimbas, Mbiras e outros instrumentos africanos nos encantam e surpreendem num show musical sobre o continente-mãe.

Décio convida para esse show a contadora de histórias Leila Garcia, que nesse passeio musical, conta histórias tradicionais com a trilha sonora de Décio tornando a viagem mais vibrante e viva, onde animais, seres humanos e árvores fazem parte de um mundo no qual convivem em pé de igualdade e importância.

Uma viagem e tanto!

Adenilson Telles, trompete
Israel Salomé, trompete
Douglas Costa, trompa 
Carlos Freitas, trombone
Luis Serralheiro, tuba


O quinteto de metais, é dotado de grande versatilidade tanto na capacidade de reproduzir os vários gêneros musicais, quanto na arte de criar diferentes tipos de sons.

Fundado em 1998, o Via Brasil Quinteto conta com repertórios que vão da música erudita à música popular, passando do barroco ao moderno, música brasileira, jazz e outros estilos, levando aos mais variados ouvintes toda sua versatilidade sonora.

Seus integrantes são jovens músicos que se destacam como cameristas, e também por suas qualidades como  solistas e músicos de orquestra, atuando junto às principais orquestras do país e também do exterior.

Criação do espetáculo "Pedro e o Lobo"

A MOTE cia. de criação surge da parceria entre o arquiteto e músico Márcio Carvalho e o bailarino e coreógrafo Rodrigo Mello. O estilo de movimentação descreve ações dramáticas e constrói personagens descritivos, atingindo um resultado de dança contemporânea de movimentação delicada e plasticidade marcante. O espaço cênico acompanha as características do olhar contemporâneo e enriquece e apóia os personagens e o espetáculo.

Entre os projetos realizados pela Mote, estão: Prêmio Klauss Viana de Dança-Funarte com o espetáculo" Strambello"; Ocupação de Espaço da Caixa Econômica Federal com o Espetáculo Duas Histórias Movimentadas; Edital em produção em dança da Fundação Cultural de Curitiba com o espetáculo "A Lógica do pior; Lei do Mecenato da Fundação Cultural de Curitiba com os projetos "Estrambello no Labirinto da Memória" e "O Mundo Fantástico de Estrambello" com estréia em outubro de 2013.

lateral-dados

Go to top